Translate? This website is also available in your language! Do you want to switch? Yes Not now Don't ask me again
Arthrex, Inc.
  • Calendário de eventos
  • 0 0

Projeto em curso — LAOS: construção de centros de saúde e unidades mamãe-bebê


Laos

Photocredit: Noy Promsouvanh / Plan International

Geografia e clima

Com área de aproximadamente 236.800 km², Laos é quase do mesmo tamanho que a ex-República Federal da Alemanha. Pode se dizer que Laos equivale a dois terços da Alemanha de hoje. Ao contrário da Alemanha, porém, Laos tem uma população de aproximadamente 7 milhões — quase difícil de se acreditar, em se tratando de um país na Ásia.

O centro do país é ladeado pelo planalto de Xiangkhoang (817 m) ao norte e pelo planalto de Bolaven (2000 m) ao sul. O maior rio de Laos, o rio Mekong, tem 1865 km de extensão e faz fronteira com a Tailândia. A principal artéria de transporte, o rio também liga a cidade Luang Prabang à capital, Vientiane. Embora 40% do país ainda seja composto por florestas pluviais, 75% consiste em cordilheiras inexpugnáveis.

Meio ambiente: assim como em outros países, o vasto desmatamento do Laos nas últimas décadas acarretou uma queda no nível de água subterrânea em algumas regiões, que, por sua vez, resultou em um perigo para o Laos, em termos de disponibilidade de água potável. A floresta é especialmente ameaçada pela indústria madeireira, pela abertura de áreas para agrocultivo e pelos produtores de combustível. Cerca de 300.000 ha de floresta são destruídos anualmente. Consequentemente, mais de 68 espécies estão atualmente ameaçadas de extinção. Cerca de 14% do território, porém, já é considerado área de proteção ambiental. 
Outro grande problema ambiental são as bombas não explodidas que sobraram da guerra do Vietnã, o que afeta especialmente a população das áreas rurais, provocando muitas mortes e lesões.

 

Problemas

Os habitantes de vilarejos remotos nas províncias de Oudomxay e Salavan moram muito longe do centro de saúde mais próximo. A maioria dos habitantes pertence a minorias étnicas e tem dificuldades de se comunicar com os profissionais da saúde. Em decorrência do fato de que, nessas clínicas, há pouquíssima privacidade, a maioria das mulheres faz parto em casa sem nenhuma assistência médica. Inclusive, muitas grávidas e crianças sofrem de desnutrição. Em estudos conduzidos nas regiões do projeto, constatou-se que esse problema acomete cerca de metade de todas as crianças abaixo dos 5 anos de idade. A principal causa são as doenças diarreicas, mas também as regras das tradições alimentares. Nessas tradições, a mulher grávida acaba tendo uma alimentação pouco balanceada e a mãe dá arroz para o bebê desde cedo, em vez de amamentar. Por isso, as crianças carecem dos nutrientes essenciais necessários para um desenvolvimento saudável.

 

Ação

  • Construção de três centros de saúde e unidades mamãe-bebê.
  • Construção de unidades mamãe-bebê em oito centros de saúde já existentes.
  • Doação de móveis, equipamentos médicos e remédios para 11 centros de saúde.
  • Melhorias no fornecimento de água e no sistema de saneamento.
  • Qualificação para parteiras e trabalhadores da saúde.

 

Objetivo do projeto

Nesse projeto, queremos melhorar as condições de saúde das mães e crianças em três distritos das províncias de Oudomxay e Salavan. A construção de três centros de saúde e a expansão de outros oito centros de saúde com unidades mamãe-bebê conferirá às gestantes, mulheres e crianças um melhor acesso à assistência de saúde. Junto com as agências de saúde locais, ofereceremos qualificação para parteiras, para que possam fazer check ups locais nas gestantes e dar orientações de nutrição e higiene. 
Todos os 11 centros de saúde e 3 comunidades locais serão equipados com um novo abastecimento de água, espaços sanitários e de limpeza. Essas áreas são para higiene geral e para auxiliar na prevenção de doenças. Esse projeto melhorará a vida de 41.000 crianças de até cinco anos de idade e de mais de 208.000 habitantes dos distritos de Ta Oi e Salavan, da província de Salavan e do distrito Houn da província Oudomxay.

 

Laos

Photocredit: Douanghta Manivanh

 

Laos

Photocredit: Plan Stiftung